"Com todo o cuidado guarda teu coração, pois dele procede a vida" (Pv. 4, 23)

19 de nov de 2014

Retrato do artista quando coisa (Manoel de Barros)

"A maior riqueza
do homem
é sua incompletude.

Nesse ponto
sou abastado.

Palavras que me aceitam
como sou
— eu não aceito.

Não aguento ser apenas
um sujeito que abre
portas, que puxa
válvulas, que olha o
relógio, que compra pão
às 6 da tarde, que vai
lá fora, que aponta lápis,
que vê a uva etc. etc.

Perdoai. Mas eu
preciso ser Outros.

Eu penso
renovar o homem
usando borboletas."

(1916 -2014)

Belen Lopez



18 de nov de 2014

Sotoportego



Sotoportego

"Tem uma passagem estreita dentro de mim,
tão estreita que suas paredes me lenham toda,
mas essa passagem desemboca na largura de Deus.
Nem sempre tenho força para atravessar
este deserto sangrento, mesmo sabendo que,
se me forçar a me doer todo entre as paredes,
mesmo sabendo que desembocarei para a luz aberta
de uma dia trêmulo de sol macio..."



Imagem:
"Sotoportego" - Veneza, 2013. Moema N Queiroz
© Moema N Queiroz. Please be respectful of copyright. Unauthorized use prohibited

Desaprendendo


"Para apalpar as intimidades do mundo é preciso saber:


a) Que o esplendor da manhã não se abre com faca

b) O modo como as violetas preparam o dia para morrer

c) Por que é que as borboletas de tarjas vermelhas têm devoção por túmulos

d) Se o homem que toca de tarde sua existência num fagode, tem salvação

e) Que um rio que corre entre dois jacintos carrega mais ternura que um rio que flui entre dois lagartos

f) Como pegar na voz de um peixe

g) Qual o lado da noite que umedece primeiro 

etc, etc, etc

Desaprender oito horas por dia ensina os princípios."

O livro das ignorãças
Manoel de Barros